Uso Adequado da Declaração de Horas no Local de Trabalho

No universo corporativo, tanto empregadores quanto empregados frequentemente se deparam com questionamentos sobre a declaração de horas, também conhecida como declaração de comparecimento. Mas, como aplicar esse documento de maneira correta no ambiente de trabalho?

Isso porque a declaração de horas confirma a ausência de um funcionário devido a compromissos pessoais, e entender suas nuances é fundamental para garantir que o empregado não sofra descontos salariais, desde que esteja conforme as políticas da empresa. Veja mais a seguir!

Como Elaborar uma Declaração de comparecimento Eficiente

Declaração de comparecimento é diferente de atestado médico e pode ter horas não trabalhadas descontadas
Declaração de comparecimento é diferente de atestado médico e pode ter horas não trabalhadas descontadas (Fonte: Reprodução Google)

Uma declaração de comparecimento bem elaborada deve apresentar o período de ausência do funcionário, a justificativa para essa ausência e precisa estar alinhada com as diretrizes estabelecidas pela empresa. Portanto, para que o documento seja válido, é imprescindível conter todas as informações exigidas pelo Departamento de Recursos Humanos.

Leia mais: INSS: 13º Salário Será Antecipado em 2024? Confira os Detalhes do pagamento! Veja agora mais

No entanto, é importante ressaltar que, embora a declaração sirva como justificativa para a ausência, a empresa pode decidir descontar as horas não trabalhadas, dependendo das normas internas estabelecidas. É sempre recomendável consultar a política interna da empresa antes de optar por essa alternativa.

CLIQUE AQUI e receba as PRINCIPAIS NOTÍCIAS DO JORNAL JF pelo WhatsApp

Entendendo as Distinções entre Atestado Médico e Declaração de Horas

A distinção primordial entre um atestado médico e uma declaração de horas reside no conteúdo desses documentos.

Enquanto o atestado médico detalha a necessidade de afastamento do funcionário e o período estimado para seu retorno ao trabalho, a declaração informa meramente a empresa sobre a ausência do colaborador por um período específico devido a compromissos como consultas, exames ou acompanhamento de terceiros em consultas médicas.

Leia mais: VITÓRIA DOS APOSENTADOS! Justiça Federal Destina R$ 1,5 Bilhão para Aposentados do INSS – Confira!

Além disso, o atestado médico é reconhecido em todo o país e permite ao trabalhador se ausentar do trabalho por até 15 dias, sem sofrer descontos salariais. Por outro lado, uma declaração de horas, ou atestado de comparecimento, não oferece essa mesma garantia.

Leia mais: ATENÇÃO: INSS Disponibiliza Extrato de Pagamento para Janeiro – Veja as Instruções!

Em suma, enquanto o atestado médico pode abonar dias inteiros de trabalho em certas circunstâncias, a Declaração de comparecimento se limita a abonar algumas horas específicas. Portanto, compreender as distinções entre esses documentos é essencial para assegurar os direitos dos trabalhadores e aderir às políticas das empresas.

Veja Também:

SAIU no DIÁRIO OFICIAL: NOVIDADE BÔNUS para APOSENTADOS e PENSIONISTAS INSS – BPC LOAS (Fonte: João Financeira TV)

Dica bônus:

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extra: Tenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias: Clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.